terça-feira, 5 de agosto de 2008

Corrida só acaba na bandeirada...

Ai as dores do automobilismo. Carro perfeito, manobras geniais, vantagem em relação ao segundo colocado... Até que algo dá errado e o piloto fica a pé nas voltas finais de uma corrida que parecia ganha. Esta foi a dor de Felipe Massa na Hungria. Quando já administrava a vantagem e contava os pontos para a liderança no campeonato... BUM, seu motor Ferrari foi pelos ares! Dor, frustração, sofrimento. Mas, assim como as dores de amor, as dores do automobilismo também passam um dia. E outros grandes nomes das pistas já passaram pela mesma situação. Vamos relembrar alguns desses eventos tão dolorosos e tão marcantes da história da F1. As vitórias garantidas que não aconteceram:
2005 - GP da Europa (Nurburgring)


Kimi Raikkonen seguia tranquilo na liderança do GP da Europa, quando, a 10 voltas do final seu pneu dianteiro direito começou a apresentar um desgaste excessivo. O problema, é que nesta temporada, os pilotos não podiam trocar pneus durante os pit stops. Assim, todos acompanhavam com aflição o pneu deteriorar-se volta após volta, mesmo com Raikkonen tomando todo o cuidado para poupá-lo. Na última volta, o conjunto de suspensão não aguentou a vibração excesiva e todos assistiram o à quebra repentina da suspensão da McLaren do finlandês. A uma volta do final, a liderança caiu no colo de Fernando Alonso que disparou ainda mais no campeonato.

2001 - GP da Espanha (Barcelona)


Michael Schumacher e Mika Hakkinen dividiram a primeira fila no Grande Prêmio da Espanha. Após a largada a corrida seguiu com intensa disputa entre os dois. Após os pit-stops, com um grande trabalho de estratégia e também de Hakkinen, o finlandês assumiu a liderança, deixando Schumacher para trás. Tudo parecia tranquilo, até que, ao abrir a última volta, a McLaren de Hakkinen começou a apresentar problemas no câmbio e se arrastar pelo circuito. Assim, o finlandês viu a sua vitória cair no colo de Schumacher e só conseguiu chegar em 9º.

1984 - GP dos EUA (Dallas)


Sob um calor de 40ºC o inglês Nigel Mansell largou na pole no GP dos Estados Unidos de 1984. Desde o início esta corrida foi atribulada. Devido às altas temperaturas, a corrida foi antecipada para as 11 horas da manhã. E também por causa do clima, o asfalto do circuito de Dallas se desfez antes mesmo da largada. Apesar das condições adversas, os pilotos decidiram correr. Muitos não conseguiram terminar a prova, principalmente devido às condições precárias da pista o que ocasionaou muitos acidentes. Mesmo assim, Mansell seguia na liderança absoluta, pilotando bem e mostrando todo seu talento. Até que, na última curva, o inglês perdeu o controle de sua Lotus e acertou o muro. Mansell não pensou duas vezes. Saltou para fora do carro e o empurrou até cruzar a linha de chegada na 6ª colocação. Depois do esforço sobre-humano, o pobre inglês caiu estatelado no chão, sendo aplaudido de pé pelo público presente. A vitória caiu coincidentemente no colo de Keke Rosberg, finlandês como Heikki Kovalainen.

E aí pessoal, lembram de mais algum infortúnio de líderes nas últimas voltas, corridas dramáticas?? Quem teve mais azar??

24 comentários:

F-1 A.L.C. disse...

aquela de mansell foi incrivel. asistí em miami, com meu pai

lembro que achei que tava morto, e cairam as lágrimas no meu rostro.

meu pai não sabia como me consolar, pois ele tambem achava que o cara ia morrer no hospital.

sim, eu era doido mesmo desde crianca

Marcos Antônio Filho disse...

Faltou Damon Hill em Hungaroring 97.Ele ia vencer de Arrows!Mas deu um problema hidráulico e acabou com essa proeza do Damon.Era fanzaço do Hill,fiquei muito p* da vida quando ele abandonou.Mas depois vi que quem gsanhou o foi Villeneuve,aí fiquei menos chateado...

GiglioF1 disse...

Meninas,

Bela tomada...A do Mansell foi inesquecível!!!

Abraco!!!

Marcelonso disse...

Meninas,

Mansell foi protagonista de mais uma.
No Canadá,dizem que foi pane eletrica,as más linguas dizem que o ingles bateu no painel comemorando a vitória e o carro apagou,deu "tilt",e a vitória caiu no colo de Nelson Piquet,então de Benetton,se não me engano foi em 1991.

boas lembranças!

abraços

GiglioF1 disse...

Meninas ,
A do Mansell já havi quase esquecido...
Boa cobertura!!!
Abraco!!

blogguardrail disse...

HEheheheh..tava preparando um post desse tipo.

Bom mas entao vai minha "contribuiçao"...rs

Damon Hill,com a Arrows,em 1997,na Hungria.Ele ia vencer com a aquela porcaria de carro e deu um pau nas ultimas voltas.A vantagem de 40 segundos,se nao me engano,se esfumou e venceu o Villeneuve.

Bjs

Adalberto Althoff Jr. disse...

é, é a maior verdade do automobilismo!

Ron Groo disse...

Um levantamento muito original diga-se.
A do Manssel é o melhor exemplo da gana de vitoria deste maluco.

Ron Groo disse...

Ué cade? Cade o post que eu coloquei? Tudo bem eu repito.
Um levantamento bem original e a cena do Mansell mostra bem a gana de vitoria deste maluco.
Que aliás está aniversariando por estes dias.

Ron Groo disse...

Eu tentei tres vezes postar um comentário aqui... algo deve ter falhado.
Eu disse que o levantamento era original...não me lembro o que mais..

Grid GP disse...

Penso que problemas como esse do Massa nem sempre devem ser chamados de "azar", mas também de "incompetência dos times". Mas é claro que, faltando 3 voltas, é impossível não pensar nessa palavrinha.

Excelente post! Excelente blog! Publicações com menor frequencia, mas com muita qualidade! A Fórmula correta para um blog!

Abraços, meninas! Vocês mandam muito bem.

Fábio

Grid GP disse...

Penso que problemas como esse do Massa nem sempre devem ser chamados de "azar", mas também de "incompetência dos times". Mas é claro que, faltando 3 voltas, é impossível não pensar nessa palavrinha.

Excelente post! Excelente blog! Publicações com menor frequencia, mas com muita qualidade! A Fórmula correta para um blog!

Abraços, meninas! Vocês mandam muito bem.

Fábio.

Felipe Maciel disse...

O próprio Mansell no Canadá deu a última vitória de Nelson Piquet na F-1.

Esse maluco tem história...

Blog F1-V8 disse...

Olá pessoal!
Obrigada pelos comentários!!

Não sei se vocês perceberam, mas durante a semana passada, alguns comentários de vocês "sumiram" daqui... Ainda não sabemos o que aconteceu, mas agradecemos novamente por vocês terem postado novamente!

F1 ALC - Que história fantástica!! Chorou achando que o Mansell tinha morrido!!! Isso sim é fã de F1!!

Marcos Antônio e Priscilla Guard Rail: Boa lembrança!! Essa do Hill foi terrível!! Quis o destino que a Arrows não vencesse na Hungria! Foi uma pena...

Ron Groo: Só o MAnsell mesmo pra, literalmente, carregar o carro nas costas... Pena que a 3 voltas do final, não daria para o Massa fazer o mesmo...

Até a próxima, pessoal!!

Blog F1-V8 disse...

Pessoal,
Obrigada pelos comentários!!
Ainda mais agora, que nosso blog está atravessando por problemas técnicos para publicar os comentários. Estamos avaliando para descobrirmos que bug é esse que tem nos infernizado desde semana passada...

MAs desde já, desculpem os transtornos!!

Blog F1-V8 disse...

Pessoal,
Obrigada pelos comentários!!
Ainda mais agora, que nosso blog está atravessando por problemas técnicos para publicar os comentários. Estamos avaliando para descobrirmos que bug é esse que tem nos infernizado desde semana passada...

MAs desde já, desculpem os transtornos!!

Blog F1-V8 disse...

Pessoal,
Obrigada pelos comentários!!
Ainda mais agora, que nosso blog está atravessando por problemas técnicos para publicar os comentários. Estamos avaliando para descobrirmos que bug é esse que tem nos infernizado desde semana passada...

MAs desde já, desculpem os transtornos!!

Blog F1-V8 disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Raúl y Pablo disse...

es un blog espectacular visita el mio y deja tu opinion y si t gusta nos enlazamos

OCTETO RACING TEAM disse...

Meninasss...


Depois dêem uma olhadinha lá no Blog do Octeto pq tem uma coisinha para vcs!!!hehe

Bjinhoss

Tati

Raúl y Pablo disse...

es una verdad como un templo visita mi blog y si quieres nos linkeamos los blogs

Daniel Médici disse...

Ei...

Mansell não estava na liderança. E não foi uma batida, foi uma quebra...

Keke estava na ponta desde o abandono do Prost. Uma excelente corrida, e nada tira o mérito do leão por ter empurrado o carro até não poder mais!

Daniel Médici disse...

Confirmação: em Dallas, Mansell liderou até a volta 35, mais da metade da prova, mas teve problemas e perdeu absurdamente rendimento. Mesmo assim, com uma série de abandonos no final, estava em quinto. E, mesmo não chegando, foi o sexto.

;)

GiglioF1 disse...

Meninas,

Voces mesmo sequestradas pela net ganharam uma vez mais um grande premio....passa pelos Blos dos pobres!!!!

Bjjssss!!!!